Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
paulofranciscodacr

Retrospectiva De Obras De João Ribeiro Junior

Como O Desemprego Está Criando 'funcionários-polvo' E Aumentando Pressão A respeito de Quem Trabalha


Com a criação do do Espaço Especialistas Dão Sugestões De Preparação Para as Provas Do Enem O Dia de Educação Superior as coisas estão mudando pela faculdade espanhola. Outra diferença, imediatamente passam a haver dois tipos de master, os oficiais e os títulos próprios. Os oficiais tem regulamentação própria, necessitam ser aprovados pelo Conselho de Coordenação Universitária e pelo respectivo governo da comunidade autônoma (governo estadual).



E a superior diferença com os títulos próprios é o preço, os oficiais tem um valor público. O que significa isso? O valor é inferior, pelo motivo de eles receberão dim-dim da própria faculdade, enquanto os de título respectivo não recebem financiamento e se necessitam preservar com o que cobram! Os masters necessitam ter como mínimo sessenta créditos e como máximo 120, e desse modo o preço poderá diversificar entre 800 e 2400 euros, dependendo do valor do crédito de cada escola.


Chegamos à conclusão de que a maneira como a gente fazia procura por aqui, por conta da tecnologia com a qual a gente tinha escolhido trabalhar, era insatisfatória. Trabalhávamos de maneira improvisada dentro de um hospital, não havia um assunto pela relevância da busca. Existe uma necessidade de uma organização institucional, para formar massa crítica, atrair mais gente, divulgar.



  1. Amazon (pela web)

  2. Queda afugenta cientistas e transfere pesquisas do Brasil: "Pela penúria" 12/06 | 04h00

  3. O visto J2 para os cônjuges permite que eles trabalhem (com restrições)

  4. 6 Personalidades que frequentaram a FEUP

  5. Expor deduções que não conseguem ser comprovadas



No entanto, após três anos lá, a gente se convenceu a retornar pro Brasil pra elaborar um instituto de busca e ensino privado sem fins lucrativos, onde a gente pudesse ter essa estrutura. E essa foi a criação do Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino. Vocês estavam pensando em não voltar mais já que o jeito que se fazia nesse lugar não valia a pena, até que surgiu a ideia de fazer desigual neste local.


Isso. Muito com a parceria do meu sogro apoiando nossa ideia, a gente voltou em 2008 e começamos a estruturar a geração nesse projeto. Em 2010, nasceu o Idor como uma fundação, com a tarefa de criar pesquisa, ensino e inovação na área da saúde. E foi penoso este choque de realidade, de entrar ao Brasil e começar a estruturar pela prática um sonho?


Organizações Trocam Docentes, Diminuem Carga E Lotam Salas , foram diversas barreiras. Acho que a principal foi quebrar um paradigma: revelar que era possível, sim, ter um investimento privado para genuinamente elaborar procura e ensino. Era uma barreira até já no próprio corpo clínico dos hospitais: notabilizar pra eles que dava para fazer pesquisa dentro da Rede.


Don't be the product, buy the product!

Schweinderl